SITE TRIBUNA
SITE TRIBUNA

Homem mais rico da Ucrânia vai processar Rússia por danos em siderúrgicas




Motivado pelas perdas que podem variar entre US$ 17 bilhões e US$ 20 bilhões causadas pelos bombardeios nas siderúrgicas na cidade de Mariupol, Rinat Akhmetov, o homem mais rico da Ucrânia, diz que planeja processar a Rússia pelos prejuízos financeiros. As informações são da CNN Brasil.

A siderúrgica Azovstal sofreu grandes danos de ataques russos depois que a planta industrial se tornou o último reduto de defesa na cidade portuária do sul. A Illich Steel and Iron Works, outra propriedade de Akhmetov, também foi seriamente danificada durante o bombardeio russo em Mariupol.

“Definitivamente vamos processar a Rússia e exigir compensação adequada por todas as perdas e negócios danificados”, afirmou o dono da maior siderúrgica da Ucrânia, a Metinvest.

O bilionário Akhmetov já tinha visto seu império empresarial ser destruído antes da guerra por oito anos de combates no leste da Ucrânia, depois que separatistas pró-Rússia tomaram parte do território na região.

Desde a invasão russa em 24 de fevereiro, a Metinvest anunciou que não pode cumprir seus contratos de fornecimento. Enquanto a companhia financeira e industrial de Akhmetov, a SCM Group, está cumprindo suas obrigações de dívida, sua produtora privada de energia DTEK reestruturou o portfólio de dívidas, informou.
Postagem Anterior Próxima Postagem