SITE TRIBUNA
SITE TRIBUNA
SITE TRIBUNA

ACM Neto diz confiar em vitória no 2º turno: Vamos com todo o ânimo para uma nova eleição







"Estamos muito animados, e já a partir de amanhã vamos começar a trabalhar com a convicção de que se trata de uma nova eleição e de que vamos construir essa vitória"






Derrotado por Jerônimo Rodrigues (PT) no primeiro turno da disputa pelo governo da Bahia, o candidato ACM Neto (União Brasil) disse na noite deste domingo (2), em entrevista coletiva, que o segundo turno “se trata de uma nova eleição”, e que ele buscará a maioria dos eleitores que votaram “contra a manutenção do grupo que está no governo do estado há 16 anos”.

“Venho trabalhando já há mais de um ano e não vamos diminuir nem um pouco a nossa energia. Ao contrário, a ordem agora é focar nesse segundo turno. Reunir os deputados eleitos, aqueles que não foram eleitos, mas que estão conosco, motivar os nossos prefeitos, as nossas lideranças e vamos sair vitoriosos ainda em outubro deste ano”, afirmou ACM Neto.

Sem citar o nome de João Roma (PL), que ficou em terceiro lugar na disputa, o ex-prefeito de Salvador disse que, “se somar os votos de quem não deseja a manutenção desse grupo que está aí há 16 anos no poder e quer mudança (votos de Roma e dos demais candidatos), nós somos a maioria. Então, vamos buscar essa maioria no segundo turno. E é uma nova eleição.”

ACM Neto afirmou ainda que Jerônimo “fugiu” do debate no primeiro turno. “No primeiro turno, o candidato que representa o atual governo se escondeu. Inclusive, quando teve a oportunidade de debater comigo não o fez. Até cheguei a desafiá-lo para um debate, falei para ele marcar data, horário e local, mas ele não quis. E agora não tem jeito, somos nós dois. Então, será uma grande oportunidade para os baianos compararem a história, o currículo e o preparo dos dois candidatos que neste momento vão para o segundo turno.”

O ex-prefeito de Salvador lembrou também que desde 1994 não havia segundo turno nas eleições para o governo da Bahia: “Agora vamos com todo o ânimo para uma nova eleição. É bom destacar que no primeiro turno havia cinco cargos em jogo, então, de certa forma foi uma eleição muito poluída de informações; as pessoas ligavam a TV e eram diariamente bombardeadas com vários comerciais, de diversos candidatos. Agora, não. Então estamos muito animados, e já a partir de amanhã vamos começar a trabalhar com a convicção de que se trata de uma nova eleição e de que vamos construir essa vitória.”
Postagem Anterior Próxima Postagem