SITE TRIBUNA
SITE TRIBUNA
SITE TRIBUNA

Na quarta tentativa de ser presidente, Ciro Gomes tem sua votação mais baixa




Na quarta vez em que tentou chegar ao comando do Palácio do Planalto, o ex-ministro Ciro Gomes (PDT) obteve o pior desempenho de suas participações. Ele ficou em quarto lugar, com 3,5 milhões de votos, o que representa 3% dos votos válidos.

Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e Jair Bolsonaro (PL) disputarão o segundo turno.

Neste ano, Ciro Gomes perdeu pela primeira vez no Ceará, onde construiu sua trajetória política – foi deputado estadual, prefeito de Fortaleza e governador do estado antes de assumir o Ministério da Fazenda no governo de Itamar Franco, em 1994, quando era filiado ao PSDB.

Ele concorreu à Presidência pela primeira vez em 1998 pelo PPS, atual Cidadania. Na ocasião, Ciro tinha como vice Roberto Freire (PPS) e uma coligação com PAN (atualmente extinto) e PL, partido atual de Bolsonaro.

O ex-ministro ficou em terceiro lugar, com 10,97% dos votos válidos, o que representou mais de 7,4 milhões, ficando atrás de Lula e do então presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB), que se reelegeu no primeiro turno.


Leia mais
Postagem Anterior Próxima Postagem