SITE TRIBUNA
SITE TRIBUNA
SITE TRIBUNA

Bolsonaro reconhece derrota e promete respeitar Constituição




Em pronunciamento na tarde desta terça-feira (1º), o presidente Jair Bolsonaro (PL) afirmou que “enquanto presidente da República e cidadão continuarei cumprindo os mandamentos da Constituição”. Foi a primeira fala do candidato à reeleição após a derrota no segundo turno das eleições presidenciais, no domingo (30).

Sem citar o presidente eleito, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), Bolsonaro agradeceu os 58 milhões de votos recebidos e defendeu os atos que bloqueiam as estradas brasileiras desde a segunda-feira (31), mas ponderou que o direito de ir e vir não pode ser cerceado.

“Os atuais movimentos populares são fruto da indignação e o sentimento de injustiça de como se deu o processo eleitoral. As manifestações pacíficas sempre serão bem-vindas. Mas nossos métodos não podem ser os da esquerda, que sempre prejudicaram a população”.

Em mini-balanço da gestão, o presidente lembrou que enfrentou a pandemia e as consequências da guerra na Ucrânia, mesmo “enfrentando todo o sistema”. “A direita surgiu de verdade no nosso país. Nossa robusta representação no Congresso Nacional mostra a força dos nosso valores: Deus, pátria, família e liberdade. Formamos diversas lideranças pelo Brasil. Nosso sonho segue mais vivo do que nunca”.
Postagem Anterior Próxima Postagem