SITE TRIBUNA
SITE TRIBUNA
SITE TRIBUNA

Governo do Estado atualiza dados e ações sobre população afetada pelas chuvas na Bahia




Da Redação

Com base em informações recebidas das prefeituras, a Superintendência de Proteção e Defesa Civil da Bahia (Sudec) divulgou, na tarde deste sábado (3), os números referentes à população atingida pelas enchentes que ocorrem em algumas regiões do estado. Até então, são 495 desabrigados e 8.786 desalojados. O número total de atingidos chega a 65.515 pessoas. Não há registro de desaparecidos ou de óbitos.

Os números correspondem às ocorrências registradas em 50 municípios afetados. Desse total, 16 estão com decreto de Situação de Emergência, são eles: Prado, Baixa Grande, Itabuna, Santa Cruz Cabrália, Cícero Dantas, Ibicuí, Itambé, Nova Viçosa, Vereda, Olindina, Cachoeira, Eunápolis, Cardeal da Silva, Itapé, Ribeira do Pombal e Teodoro Sampaio.

Na lista dos municípios afetados estão: Baixa Grande, Cachoeira, Cardeal da Silva, Cícero Dantas, Eunápolis, Ibicuí, Itabuna, Itambé, Itapé, Nova Viçosa, Olindina, Prado, Ribeira do Pombal, Santa Cruz Cabrália, Teodoro Sampaio, Vereda, Aiquara, Caravelas, Floresta Azul, Ibotirama, Itamaraju, Marcionílio Souza, Medeiros Neto, Wenceslau Guimarães, Catu, Ibicaraí, Itanhém, Itapicuru, Alcobaça, Aurelino Leal, Belo Campo, Cipó, Dário Meira, Gandú, Guaratinga, Inhambupe, Ipiaú, Itapetinga, Itarantim, Itororó, Jitaúna, Juazeiro, Maragojipe, Pau Brasil, Santo Antônio de Jesus, São Félix, Sátiro Dias, Itajuipe, Ilhéus e Teixeira de Freitas.

Corpo de Bombeiros

O Corpo de Bombeiros Militar da Bahia (CBMBA) atua nas áreas atingidas pela chuva no interior da Bahia. Neste sábado (3) os bombeiros realizaram o transporte de uma parturiente do distrito de Água Limpa, a 56 km de Jucuruçu. Devido à chuva, a estrada vicinal que dá acesso à localidade está com acesso prejudicado. Após o resgate, a mãe e o recém-nascido foram deixados no hospital de Jucuruçu.

Em Itabuna, os militares deram apoio da travessia de cerca de 350 funcionários do Hospital Costa do Cacau. Além do resgate de pessoas ilhadas num condomínio da cidade.

“Permanecemos dando todo suporte para a população, atuamos no resgate de moradores ilhados e no monitoramento das áreas atingidas. Nossos bombeiros também estão dando orientações à população, sobre o que fazer em casos de alagamentos. Nossa principal meta é a preservação das vidas”, explicou o tenente-coronel BM Gabriel Penna, comandante da Operação Chuva.

Serviços em rodovias

A Secretaria de Infraestrutura da Bahia (Seinfra) está com a equipe técnica do órgão nas rodovias estaduais afetadas pelas chuvas desde a última semana realizando ações emergenciais a fim de permitir a trafegabilidade de veículos. A execução dos serviços também conta com o apoio dos Consórcios Intermunicipais de Infraestrutura. Segue relação com os 16 trechos de rodovias baianas e quatro pontes que foram atingidas durante o período chuvoso:

BA-463: São Desidério – Roda Velha

A água invadiu a pista na BA-463, entre São Desidério e Roda Velha, por conta do aumento do nível do rio Santo Antônio devido às fortes chuvas na região na última quinta-feira (01/12). A equipe técnica da empresa responsável pela restauração e manutenção da rodovia está no local recuperando a erosão provocada pelas cheias do rio. O tráfego no trecho já está normalizado.

Ponte sobre o Rio Santo Antônio, na BA-142: BR-242 – Andaraí

Uma das cabeceiras da ponte sobre o Rio Santo Antônio, que fica localizada na BA-142, nas proximidades da sede municipal de Andaraí e na ligação com a BR-242, cedeu com as chuvas da última sexta-feira (02/12). A Seinfra acionou a empresa responsável pela manutenção da rodovia e os serviços emergenciais já foram concluídos. O local está sinalizado e o tráfego liberado para veículos.

BA-130: Ibicuí – Ibitupã

O desvio criado na ponte sobre o Riacho Doce, que havia se rompido devido à enchente do ano passado, cedeu no sábado (26/11). O mesmo desvio na BA-130, entre Ibicuí e Ibitupã, cedeu novamente na tarde da última terça-feira (29/11). A Seinfra recompôs o aterro a fim de normalizar o tráfego. O fluxo foi totalmente liberado e o órgão está com equipe no local para eventuais intervenções em decorrência da chuva.

BA-502: São Félix – Muritiba

Um deslizamento de terra na BA-502, entre São Félix e Muritiba, ocorreu na última sexta-feira (02/12). Os serviços de limpeza da pista foram realizados pela Seinfra. O fluxo de veículos na rodovia já está normalizado.

Ponte no município de Teodoro Sampaio, que liga a BA-515 à BR-101

A ponte em Teodoro Sampaio, que liga a BA-515 à BR-101, está com a situação comprometida. A inspeção no equipamento foi realizada pela equipe técnica da Seinfra e as providências necessárias já estão sendo tomadas para recuperação estrutural da ponte. O órgão acompanha a situação do equipamento e o tráfego está normal.

BA-233: Sátiro Dias – Inhambupe

As fortes chuvas na região do Litoral Norte e Agreste baiano causaram erosões no aterro da BA-233, entre Sátiro Dias e Inhambupe, na última quinta-feira (01/12). A empresa responsável pela manutenção da rodovia está realizando os serviços emergenciais a fim de que a pista de rolamento não seja afetada. O tráfego de veículos no trecho está normal.

BA-001: Prado – Cumuruxatiba

Houve o rompimento total da pista na BA-001, que liga Prado à Cumuruxatiba, no último domingo (27/11). A rodovia está passando por obras de pavimentação e a empresa responsável pela mesma está realizando a implantação do desvio. No trecho, o fluxo de veículos já foi normalizado na rodovia após a construção do aterro provisório.

BA-690: Vereda – BA-284 (Próx. Itamaraju)

Os aterros da cabeceira da ponte cederam e dois bueiros romperam na BA-690, em Itamaraju, que liga o distrito de Pirajá à sede municipal, por conta das fortes chuvas na região na última quinta-feira (01/12). A equipe responsável pela manutenção na rodovia está no local dos pontos afetados a fim de iniciar os serviços emergenciais e liberar o tráfego de veículos nas próximas horas. O fluxo ainda permanece interrompido.

A ponte sobre o Rio do Sul, na BA-690, que liga Vereda à Itamaraju, cedeu na última quinta-feira (01/12). O Consórcio Construir está monitorando a situação e irá esperar diminuir o nível da água para avaliar quais intervenções serão necessárias. O tráfego está interrompido.

BA-126: Vereda – ItaBrasil – Bisogue – Buqueirão – Nova Alegria

Na BA-126, quatro pontilhões romperam no trecho entre Vereda e o distrito de Nova Alegria, em Itamaraju, por conta das chuvas no último fim de semana. A equipe técnica do Consórcio Construir, responsável pelo trecho, está realizando ações emergenciais para retomar o tráfego de veículos no local. O acesso ao povoado de ItaBrasil já foi liberado. Os operários do Consórcio Construir estão trabalhando para recuperar os acessos às localidades de Bisogue e Buqueirão. Apesar das fortes chuvas, a previsão é que o tráfego seja liberado nas próximas horas.

BA-690: Medeiros Neto – Vereda

Na BA-690, houveram registros de queda de árvore e erosões na pista na ligação de Medeiros Neto com Vereda na última quinta-feira (1º). Um desvio na rodovia foi implantado pelo Consórcio Construir. As ações de recomposição na pista serão iniciadas assim que melhorarem as condições climáticas na região. O tráfego de veículos na rodovia está normal.
Postagem Anterior Próxima Postagem