SITE TRIBUNA
SITE TRIBUNA
SITE TRIBUNA

Mourão manda recado a filhos de Bolsonaro: ‘Não aceito ofensas e ameaças’




Alvo de palavras depreciativas pelos filhos do ex-presidente Jair Bolsonaro, o ex-vice-presidente Hamilton Mourão rebateu as postagens do deputado federal Eduardo Bolsonaro e do vereador Carlos Bolsonaro, filhos do ex-presidente Jair Bolsonaro. O clã Bolsonaro não gostou do tom do pronunciamento de Mourão em cadeia nacional de rádio e TV no sábado (31). Acampados próximos a instalações das Forças Armadas em diversos pontos o país, bolsonaristas esperavam do antigo aliado uma fala a favor de uma intervenção militar.

Para Mourão, as críticas fazem parte do jogo democrático, “contudo, não aceito as ofensas e ameaças que estão sendo disparadas contra mim e minha família”. As declarações foram dadas à coluna de Igor Gadelha, do site Metrópoles. O colunista afirma que o senador eleito pelo Rio Grande do Sul não pretende prestar queixa.

“Sempre disse que era um Bosta!”, escreveu Carlos Bolsonaro no Twitter. Já Eduardo Bolsonaro opinou, sem citar nomes, que “a cada momento crítico que exige confiança no líder que nos conduziu até este momento, mais máscaras caem”. Nas redes do ex-vice-presidente, bolsonaristas condenam a atitude de Mourão.

Falando na condição de presidente em exercício, uma vez que Jair Bolsonaro se encontrava nos Estados Unidos em seu último dia de mandato, Hamilton Mourão foi na direção contrária do que esperavam os bolsonaristas. Respeitou o resultado das eleições criticou o silêncio de autoridades dos três poderes ante os acampamentos e disse que esta situação criava um “clima de caos”. Sobre a posse do presidente Lula, o ex-aliado de Bolsonaro afirmou que “o Brasil muda de governo a partir de janeiro, mas não de regime”.

Postagem Anterior Próxima Postagem