SITE TRIBUNA
SITE TRIBUNA
SITE TRIBUNA

Novo comandante do Exército defende democracia e respeito ao resultado da urna




O novo comandante do Exército, general Tomás Miguel Ribeiro Paiva, já havia feito, na última quarta-feira (18), um discurso defendendo a democracia, a alternância de poder e o resultado das urnas.

Anunciado neste sábado (21) após o presidente Lula demitir do cargo o general Júlio César de Arruda, o novo comandante general falou a tropas num evento interno do Comando Militar do Sudeste, que estava sob seu comando. Na ocasião segundo o G1, ocorria uma homenagem aos militares mortos durante missão no Haiti, no terremoto de 2010.

“Nós vamos continuar íntegros, respeitosos, coesos e garantindo a nossa democracia. Porque democracia pressupõe liberdade, garantias individuais, políticas públicas e também é o regime do povo, alternância de poder. Alternância de poder. É o voto. E, quando a gente vota, tem que respeitar o resultado da urna”, afirmou o general.
Postagem Anterior Próxima Postagem