SITE TRIBUNA
SITE TRIBUNA
SITE TRIBUNA

Prefeitura promove mutirão para o combate a dengue em Itabuna




Agentes de Combate às Endemias serão mobilizados para mutirões. Foto: Ascom.

A Prefeitura de Itabuna, por meio do Programa de Endemias da Secretaria Municipal de Saúde, garante não dar tréguas ao Aedes aegypti, em Itabuna. Para isso, já foi elaborado um cronograma de ações para reforçar o combate ao mosquito causador da dengue, chikungunya e zika vírus. Nesta sexta-feira, dia 13, a partir das 8 horas, será iniciado um mutirão nos bairros Mangabinha, Zildolândia, Fonseca e Pedro Jerônimo e na Rua da Bananeira,.

A ação contará com a participação dos 172 Agentes de Combate às Endemias (ACE), que serão distribuídos nessas localidades, onde farão visitas domiciliares para orientar os moradores sobre a forma de identificar e eliminar possíveis criadouros de larvas. Além disso, vão reforçar a orientação de como as comunidades podem contribuir com o trabalho dos profissionais e consequentemente na redução dos casos de arboviroses no município.

O trabalho de campo também incluirá ainda, o bloqueio de focos com inseticida em casas onde houver suspeita de casos da dengue, atingindo um raio de 300 metros. Com isso, se existir focos do mosquito será eliminado, conforme explicou a chefe do Programa de Endemias, Lucimar Santos Ribeiro.

Ela afirma que os mutirões continuarão sendo realizados todas as sextas-feiras, de acordo com o cronograma que será divulgado semanalmente por meio dos canais de comunicação da Prefeitura. “É preciso que todos participem dessa luta que é de todos nós”, reforçou.

Lucimar aproveitou para alertar que pessoas que apresentarem sintomas da dengue devem procurar a unidade de saúde de seu bairro. Ela explica ainda que é por meio das notificações pós-consultas que o Departamento de Vigilância em Saúde sabe onde há maior incidência de criadouros e o número de casos confirmados.

Lucimar Ribeiro diz ainda que o município já começa a finalizar as visitas aos imóveis fechados ou abandonados. São muitas residências nestas condições, e ela faz apelo aos proprietários para que visitem esses imóveis a fim de descartarem qualquer vasilhame que possa acumular água.

A chefe do Programa de Endemias lembrou que esse período de chuvas e sol em Itabuna e em toda a região sul do Estado é propício para a proliferação do mosquito Aedes aegypti. “Então, é muito importante que a população nos ajude nessa difícil tarefa de zerar os casos de dengue e demais arboviroses em nosso município”, finalizou.
____________
Departamento de Comunicação Social
Prefeitura de Itabuna
Postagem Anterior Próxima Postagem